sexta-feira, 15 de fevereiro de 2008

Burro de carga

-Soldado!
-Sim senhor!
-Você deverá cruzar o campo de batalha carregando todo nosso suprimento de munição.
-Mas isso é muita coisa senhor!
-Você pode levar um burro de carga se quiser, soldado.
-Obrigado senhor!
E entao ele levou um burro de carga....


Recebi por e-mail.

Chimbinha metaleiro?

Assunto meio batido já na internet, mas achei que valia a pena...

O chimbinha, atual guitarrista do grupo* Calypso, foi flagrado com uma camiseta do Cradle of Filth, uma banda de blackmetal.


Depois disso, não conseguiu mais esconder seu lado metaleiro e aproveitou pra tocar um Iron Maiden num show. Aces High foi a música escolhida.


Link do video

Salvem o metal!

*grupo é o coletivo de qualquer coisa. banda é o coletivo de músicos. é por isso que o grupo Calypso e grupos de pagode são chamados de grupo e não de banda. ;-)

quinta-feira, 14 de fevereiro de 2008

Diferença entre pessoas normais e cientistas

Nada melhor que uns desenhos pra explicar qual a principal diferença entre pessoas comuns e cientistas:

Photobucket

Normal person = Pessoa normal: Eu acho que não deveria feito isso.
Scientist = Cientista: Eu imagino se isso acontece todas as vezes.

O primeiro transistor

No dia 23 de Dezembro de 1947 o mundo conhecia o transístor, o primeiro amplificador eletrônico de estado sólido. Mais do que substituir as enormes válvulas eletrônicas, o transístor logo se revelaria como uma das ferramentas mais importantes já criadas pelo homem. E a humanidade nunca mais seria a mesma depois dele.

O primeiro transístor media cerca de 1,5 centímetro e não era feito de silício, mas de germânio e ouro, montado sobre suportes de plástico, conforme mostra esta foto dele:


Os transistores fabricados em escala industrial hoje medem 45 nanômetros, mais de 330.000 vezes menores. Seu computador possui hoje mais ou menos 2 bilhões de transistores no microchip. Em escala de laboratório, os cientistas já conseguiram fabricar transistores moleculares, centenas de vezes ainda menores.

Seguindo os avanços de vários outros cientistas, coube ao trio John Bardeen, Walter Brattain e William Shockley os méritos pela invenção do transístor. Eles receberam o Prêmio Nobel de Física de 1956 pelo seu invento.

Vi no Inovação Tecnológica

quarta-feira, 13 de fevereiro de 2008

Coisas no meu gato

Achei este site muito engraçado onde os donos dos gatos colocam de tudo em cima dos gatos só para azucrinar com a vida deles.
Nenhum animal é ferido ou molestado, mas é muito engraçado ver os bichanos molhados, com celular, fones de ouvido, controle remoto, garrafas de cerveja, hand-helds etc.


Link do site Stuff On My Cats

Satanás existe

Calma galera!
É só uma espécie de macaco, também conhecida por Cuxiu-preto:


Sei lá porque alguém daria o nome dessa espécie de "satanás". Deve ter sido algum cientista lesado mentalmente...
Fui dar uma volta em Curitiba no Passeio Público, pertinho do shopping Mueller, e achei uma jaula com estes macacos dentro...


Mas se você pensou que eu iria falar do belzebu, demônio, devil, satan ou seja lá qual o nome daquele ser folclórico que cuida do inferno (um lugar folclórico), saiba que isso tudo é folclore de uma cultura antiga, que se recusa a evoluir.
Me desculpe ser tão direto assim, mas nem o inferno e nem o demônio existem.
Isso é sério.

terça-feira, 12 de fevereiro de 2008

Uma nação de pessoas médias

Nesse video do Chris Rock, ele explica o que todos sabem mas ninguém percebe: em uma sala de aula qualquer existem sempre uns 5 alunos muito inteligentes, outros 5 muito burros e o resto está todo no "meio".


Link do video

Isso é a mais pura verdade!
Então esses alunos do "meio" crescem, e se tornam adultos do "meio", que criam uma sociedade do "meio".
Esse gráfico de Gauss mostra bem como é a distribuição de QI de acordo com a população.


E já que a maioria é sempre o pessoal do "meio", determinados assuntos e determinadas compreensões do mundo (não estou falando de física quântica ou programação ou nada que tenha este tipo de estereótipo) são alcançadas apenas pelas pessoas mais inteligentes.
Pessoas como eu, que consigo entender os outros e até me colocar no lugar dos outros para melhor analisar a situação ou um ponto de vista, mas minha atitude nunca é recíproca.
Lembrando sempre que entender não significa concordar e vice-versa, percebo que a maioria das pessoas do "meio", assim que discordam de um determinado tópico bloqueiam qualquer forma de compreensão, se sentem enganadas/subjulgadas/inferiores e então passam a atacar seus semelhantes.
Pessoas do "meio" irão ler este texto e sentirão repúdio, nojo e talvez eu até desperte a ira de alguém, mas só quero dizer que inteligentes, burros e os do "meio" são todos seres humanos.
E todos merecem respeito, todos merecem serem ouvidos e compreendidos, e todos também devem respeitar e ouvir.
Mas é uma pena que estes princípios básicos não são ensinados em lugar nenhum, e então quem é minoria (os burros e os inteligentes) são sempre dicriminados.
Infelizmente sinto na pele todos os dias essa discriminação, e inteligente que sou sempre tenho excelentes argumentos para defender meus pensamentos/idéias/atos, mas as pessoas do "meio" que me rodeiam se sentem ofendidas. São ofendidas pela própria ignorância de não querer entender, pensando que caso entendam deverão obrigatoriamente concordar.

Não achei o video com legenda, mas o inglês do Chris Rock é bem fácil.
Então, se você não entender o que ele fala, isso só prova que você também faz parte do pessoal do "meio", e é provavelmente por este motivo que tenha odiado o texto acima...

A lista top 10 das listas top 10

Você com certeza já viu alguma lista dos 10 mais.
10 mais caros, 10 mais curiosos, 10 menores animais, 10 isso e 10 aquilo.
Mas que tal então compactar isso tudo em uma única lista com as 10 melhores listas dos 10 melhores?


Link do site

Em inglês, é claro...

A lista desse top 10 possui:
Fotos de pessoas nuas no Google Earth
Experimentos estranhos
Sites que fazem você perder seu tempo
Gravações incríveis
Mictórios
Problemas mentais bizarros
Estranhas criações em Lego
Teclados estranhos
Frases do Hunter S. Thompson
Patentes loucas

segunda-feira, 11 de fevereiro de 2008

Suicídio.com

Esse é o título que a revista Época deu à uma matéria nesta semana, onde mostra que jovens do mundo todo, e agora do brasil também, estão acessando fóruns e blogs em busca de maneiras de suicidarem-se.
Tem foco no último caso, um gaúcho de 16 anos chamado de Vinícius mas que se auto-entitulava Yoñlu.


Link da matéria toda em 4 páginas aqui.

Não se sabe qual o motivo que levou ele a ter cometido suicídio.
Talvez sejam os cartões corporativos do governo, ou sofria de bulling na escola, ou foram coisas pequenas do dia-a-dia mas que "de grão em grão a galinha enche o papo".
Ninguém sabe. Ou talvez, saibam sim.
Talvez Yoñlu tivesse contado seus problemas e dramas para alguém, mas talvez este alguém não tenha compreendido o que Yoñlu quiz dizer.
Yoñlu era superdotado, um gênio que ia pra aula pra ficar escutando música pois mesmo assim absorvia conhecimento e sempre passava de ano com boas notas. Mas sem desafios de superação, qual é a graça de tirar sempre notas boas?
A matéria da revista fala do número cada vez maior de jovens que buscam uma saída "nem um pouco correta", e termina a matéria assim: "Ele estava errado. Nada nunca mais será igual. Tudo ficou pendente." se referindo ao jovem que suicidou-se.
Não concordo.
Da mesma forma que a revista coloca a culpa do incidente sobre o garoto, talvez outras pessoas, antes dele se suicidar, tenham colocado a culpa nele erroneamente, culpa acima do que ele pudesse suportar.
Existe um ditado que diz que "sempre que se aponta um dedo pra alguém, outros três dedos apontam pra você", mas ninguém nunca vez estes três dedos pois a mão os esconde.
Porém realmente é mais fácil culpar Yoñlu, pois agora que está morto não poderá se defender...
Não penso nele como um doente ou um fraco. Penso como mais uma vítima. Vítima do sistema, da família, dos amigos, da escola ou qualquer outra coisa, mas era uma vítima.

Sete superdotados notáveis

Os superdotados representam apenas 2% da população mundial e dão um show em várias áreas do conhecimento. Conheça sete jovens geniais, com talentos que vão da medicina ao mundo das artes.

HARMONIA PRECOCE
MARC YU
7 ANOS
ESTADOS UNIDOS
MÚSICA

Aos 2 anos, Marc ouviu uma canção numa festa. Pouco depois, sentou ao piano e executou a música sem nenhum erro! Um ano depois, já tocava Beethoven. Hoje, é capaz de tocar mais de 40 clássicos sem olhar a partitura. Seu talento e sucesso permitiram que ele fizesse um dueto com seu grande ídolo, o pianista chinês Lang Lang, de quem ganhou o apelido de “pequeno Mozart”. Para reforçar o talento, Marc pratica até oito horas de piano por dia.
Simpático e contador de piadas, já participou de vários programas de TV nos Estados Unidos. Além disso, foi um dos casos estudados como exemplo de gênio nato na série de TV Mente Brilhante, produzida pelo canal National Geographic.


CONHECIMENTO GLOBAL
ANTONIA MURAD
9 ANOS
BRASIL
ARTES, MATEMÁTICA E MÚSICA

O diferencial desta carioca é a habilidade em diferentes áreas de conhecimento, numa espécie de superdotação global. Além de ser fera em matemática, Antonia tem uma veia artística muito desenvolvida e, com 1 ano e 7 meses de idade, já falava com vocabulário de um adulto culto. Clara Sodré, diretora da Assessoria Cultural e Educacional no Resgate a Talentos Acadêmicos (Acerta) define a menina como brilhante: “Aos 7 anos, ela entrou numa oficina de arquitetura. Na hora de fazer os móveis da maquete, em papel, fez tudo em dobraduras e em três dimensões!” Além do colégio, Antonia faz aulas de inglês, balé, teatro, toca piano clássico e (ufa!) é soprano em formação!

9 + 5 = MESTRADO
MARCH TIAN BOEDIHARDJO
9 ANOS
CHINA
MATEMÁTICA

Em setembro do ano passado, March tornou-se o mais jovem universitário chinês. Mas isso não o impressionou: ele achou o primeiro dia de aula na faculdade chato, igual à escola... Antes de chegar lá, March se destacou como um crânio em matemática, estudando em uma escola britânica especializada em ensino individual. Quando terminar os cinco anos do curso universitário, criado especialmente para ele, March será um matemático com mestrado em filosofia, e com apenas 14 anos de idade! O mais incrível é que seu irmão mais velho, Horatio, também é superdotado. Há dois anos, quando tinha 14, Horatio foi aceito na Universidade de Oxford, na Inglaterra, trazendo a família junto para o ocidente.


JEITÃO DE PRESIDENTE
GREGORY ROBERT SMITH
17 ANOS
ESTADOS UNIDOS
ACADÊMICA E SOCIAL

Com 1 ano, Gregory resolvia problemas de matemática. Aos 5, memorizava livros de Júlio Verne. Terminou o ensino médio aos 9, e, aos 13, recebeu o diploma de graduação em matemática! E tem mais: Gregory é presidente de uma fundação dedicada a jovens carentes e viajou pelo mundo para discutir o futuro do planeta com líderes como Mikhail Gorbachev (da Rússia) e Bill Clinton (ex-presidente americano). Resultado: foi indicado por dois anos consecutivos, em 2002 e 2003, ao Prêmio Nobel da Paz! Linda Silverman, diretora do Centro de Desenvolvimento de Superdotados de Denver, nos Estados Unidos, diz: “Em 40 anos de estudo, nunca vi um caso como o dele”.


CORAÇÃO DE ESTUDANTE
ANDREW ALEXI ALMAZÁN ANAYA
12 ANOS
MÉXICO
MEDICINA

Andrew quer ser cardiologista e já deu o passo inicial em agosto: ele entrou na Universidad de las Américas Puebla (UDLAP) para cursar medicina e psicologia. Já de olho no prodígio, a Universidade Johns Hopkins, dos Estados Unidos, busca acordo com a instituição mexicana para que o médico mirim obtenha um duplo diploma. Andrew estudou na escola comum até o 3º ano do primário. A implicância dos colegas devido ao seu superdesempenho fez com que ele largasse o colégio e passasse a estudar por conta própria. Em apenas um ano e um mês Andrew conseguiu ser aprovado nos exames dos ensinos fundamental e médio! Na UDLAP, a pedido de seus pais, ele só não vai participar de necropsias e dissecações.

ADVOGADO JÚNIOR
RICARDO TADEU CABRAL DE SOARES
31 ANOS
BRASIL
DIREITO

Hoje, Ricardo já é um trintão, mas em 1993, quando tinha 17 anos, entrou para o Guiness Book como o mais jovem advogado do mundo a receber o diploma de direito. Um ano depois, concluiu o mestrado em Harvard, batendo outro recorde: o de mais jovem mestrando em ciências jurídicas da famosa universidade. Ricardo começou a ler aos 3 anos de idade e aos 6 cursava o ensino fundamental em uma escola e o médio em outra, porque a primeira instituição não havia permitido que ele pulasse as séries. Foi aprovado em primeiro lugar no vestibular para direito quando estava na 8ª série! Seu pai conseguiu uma liminar para que Ricardo freqüentasse a universidade apesar da pouca idade.


BRINCANDO DE MÉDICO
MAXIMILIANO ARELLANO DE LA NOÉ
7 ANOS
MÉXICO
MEDICINA

Com 3 anos, Max sabia todas as capitais do mundo. Depois, começou a se interessar por livros de medicina. Seu conhecimento é tão espantoso que ele já deu várias palestras na Faculdade de Medicina da Universidad Autónoma do México, deixando professores boquiabertos. Em abril de 2006, o menino, que se diz especialista em osteoporose, lotou um auditório para 350 pessoas. Sua mãe quer que ele estude, além das matérias do colégio, disciplinas de medicina, para que ganhe um diploma de médico aos 13 anos. Porém, o diretor da faculdade que recebeu suas palestras acha difícil a universidade se adaptar para acolher uma criança tão nova.


Vi no O Buteco da Net

Rosetta Stone: O melhor curso de línguas

De vez em quando eu coloco aqui um video engraçado ou algum site curioso mas tudo em inglês.
Sei que infelizmente o sistema de ensino brasileiro não dá à língua inglesa sua devida importância, e muitos ainda não dominam uma segunda língua.
Mas estamos vivendo na era da informação!
E eu, através deste super blog, divulgo um excelente curso de línguas e o melhor é que ele é gratuito! Tão bom que o governo norte-americano usa nas escolas e o pessoal da NASA também usa!
O programa de ensino do Rosetta Stone é muito simples e fácil.
Você pode solicitar um CD Demo e ele será entregue gratuitamente na sua casa, ou você pode fazer o download deste mesmo demo. Eu pedi meu CD, e ganhei de graça em uma semana depois de ter pedido ele!


Link do site

Como é um demo, você só terá acesso à primeira lição de cada língua que estiver no CD que você escolher. Mas se quiser o curso completo, compre! (mas hoje em dia quase todo mundo acha algo free na internet...)
Mas o Rosetta Stone não se limita a uma única língua nova.
São mais de 20! Incluindo italiano, alemão, francês, espanhol, português, inglês, japonês, árabe, chinês etc.
Você deve usar um microfone pois o programa possui reconhecimento de voz e se você não falar corretamente você não vai para a próxima lição!
Incrível!

O nome Rosetta Stone é uma referência à antiga pedra de Roseta. Roseta era uma região perto do egito onde soldados de Napoleão encontraram uma pedra com um texto em 3 línguas, e como era o mesmo texto mas traduzido em 3 línguas, permitiu que os estudiosos de hoje em dia finalmente entendessem a grafia egípcia.
Fascinante, não?



GANHE DINHEIRO!
Entenda como funciona na conferência aqui: sala.luvre.com.br
Não é necessário senha.
Conferências de 2ª a 6ª feira as 22:00 horas.